Pular para o conteúdo

Grupos de Estudo

Opinião Pública em matéria do Oriente Médio.

O grupo de estudo e pesquisa tem por intuito de introduzir e debater a relevância da opinião pública para assuntos de matéria internacional; especialmente no caso brasileiro. Com uma abordagem teórica, principalmente no área de Ciência Política, e prática na elaboração de entrevistas, questionários e análise de dados, este grupo tem como meta a realização de pesquisas que busquem fundamentar a opinião dos brasileiros acerca de temas do Oriente Médio; em destaque para o conflito israelo-palestino. 

O objetivo final para os participantes será a elaboração de uma pesquisa que envolva a realização de uma atividade empírica de coleta de opinião de brasileiros acerca de alguma matéria do Oriente Médio contemporânea.

Prof. Bruno Campos

Prof.º Bruno Campos

Bacharel em Relações Internacionais pelo Instituto de Economia e Relações Internacionais (IERI) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), atualmente é Mestrando em Relações Internacionais pela Universidade de São Paulo (USP). Atualmente é Analista Institucional do Laboratório de Estudos do Oriente Médio (LEOM), e Professor de Simulações modelo ONU para Ensino Médio. Temas de pesquisa incluem: Comportamento Legislativo; Relações Brasil-Israel; Relações Brasil-Palestina e Política Externa Brasileira.

Teoria das Relações Internacionais e o Oriente Médio

O grupo de estudos tem como objetivo promover o debate sobre a geopolítica do Oriente Médio a partir de uma análise baseada nas principais teorias contemporâneas de Relações Internacionais. O nosso grupo de estudos tem como público-alvo graduandos e pós graduandos da comunidade de relações internacionais.

Prof. Bruno Campos

Prof.º Msc.º Stevan Bernardino

Mestre e bacharel em Relações Internacionais pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), bem como bacharel em Comunicação Social pela ESAMC. Possui linha de pesquisa em Segurança Internacional e Psicologia.

Mulheres e Feminismo no Oriente Médio.

A primeira onda feminista, que remonta ao século XIX, impactou em várias áreas de estudo, que até então, eram majoritariamente, conduzidas por homens. Assim, com o passar das décadas e alargamento da pauta feminista, novos estudos acadêmicos sobre o tema foram sendo desenvolvidos, especialmente, em relação a política e guerra. Desse modo, como o Feminismo impacta as dinâmicas sociais no Oriente Médio?

Prof. Bruno Campos

Prof.ª Msc.ª Dábila Brito

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia, na Universidade Federal do Pará (UFPA), Mestre pelo Programa de Pós-graduação em Estudos de Fronteiras (PPGEF), pela Universidade Federal do Amapá. Bacharela em Relações Internacionais pela mesma universidade. Faz parte do grupo de pesquisa Políticas Territoriais e Desenvolvimento – POTEDES. Coordenou o grupo de estudos “Feminismos e Oriente Médio” pelo LEOM.

Prof.ª Msc.ª Helena Cherem

É especialista em Geopolítica do Oriente Médio, mestra e graduada em Relações Internacionais pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora na StandWithUs Brasil, pesquisadora assistente do Weatherhead Center for International Affairs da Harvard University e Analista Internacional nas áreas de Geopolítica, Segurança regional e Direitos das mulheres no Oriente Médio contemporâneo. Principais áreas de interesse atual de pesquisa: Feminismos e participação política das mulheres no Oriente Médio.

Prof. Bruno Campos

Segurança Internacional no Oriente Médio.

O grupo de estudos busca um estudo abrangente sobre as diferentes conceituações de Segurança Internacional e sua aplicação às dinâmicas sociais, econômicas e militares no Oriente Médio.

Prof. Bruno Campos

Prof.º Dr.º Igor Sabino

Doutor em Ciência Política pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Bacharel e Mestre em Relações Internacionais pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Gerente de conteúdo da StandWithUs Brasil e fellow do The Philos Project. Autor do livro “Por Amor aos Patriarcas: reflexões brasileiras sobre antissemitismo e sionismo cristão”.

Para conectar-se e acessar as atualizações sobre os Grupos de Estudo. 

Acesse clicando no grupo e WhatsApp da sua Região.

Não está encontrando seu Estado/Instituição de Ensino?

Entre em contato conosco para criarmos uma rede do LEOM em sua região!